Buscar

Vacinação de todos os médicos é imprescindível para melhor controle da pandemia


O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) teve acesso a uma estimativa de médicos vitimados pela Covid-19, no ano de 2020. De acordo com a Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD), da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, foram registrados 197 óbitos de médicos por Covid-19 no Estado, sendo 183 óbitos confirmados e 13 suspeitos.


Os índices reforçam a importância e necessidade da priorização da vacinação de médicos envolvidos no atendimento à Covid-19 — independentemente da faixa etária e local de trabalho —, que vem sendo massivamente defendida pelo Conselho. A autarquia, inclusive, enviou ofício ao Ministério da Saúde (MS) e às Secretarias Estadual e Municipal de Saúde de São Paulo (SES-SP e SMS-SP) solicitando a disponibilização de doses do imunizante para esses profissionais, e agora aguarda retorno.


Cabe ressaltar que, desde 9 de fevereiro, o Cremesp está vacinando, em sua sede na capital, médicos com 60 anos ou mais e registro principal no município de São Paulo. A ação se deu após contato com o MS e com as Secretarias de Saúde, em 13 de janeiro, e já contemplou, apenas na primeira semana, 1817 médicos. A intenção é que a campanha se estenda, também, para os profissionais das demais faixas etárias.


Nesta semana, médicos que atuam no Instituto Médico Legal (IML) e nos serviços de diagnóstico (especificamente em análise de amostra de RT PCR SARS CoV2 e exames de imagem RX e Tomografia) e de ambulância na cidade de São Paulo, também passaram a ser vacinados no Conselho, conforme a Normativa 05 de 16/02/2021.

Os interessados devem comparecer à sede do Cremesp com a carteira do CRM ou documento de identidade com foto, além da declaração da empresa ou instituição em que esteja vinculado, que será retida para encaminhamento à SMS-SP.


O Cremesp reitera que continuará lutando para que todos os profissionais de saúde do Estado de São Paulo sejam contemplados, de forma a garantir a continuidade desse imprescindível trabalho de assistência à população e de combate à pandemia de Covid-19.


Entenda os índices de óbitos

Do total da casuística apresentada pela CCD, 77% (152) das mortes correspondem a Clínicos Gerais; 91% (180) residentes no Estado de São Paulo, destes 40% (73) no município de SP e 9% (17) com endereços de residência em outras unidades federativas. Quanto ao perfil, 88% (174) são do sexo masculino e 18% (23), feminino; a faixa etária predominante é entre 60-69 anos (31%), 24% entre 70-79 anos, 23% com 80 anos ou mais, 17% entre 50-59 anos, e 1,5% em cada faixa etária inferior (de 30-39 e 40-49 anos).


A estatística é do ano de 2020 e se baseia no Sistema de Informação sobre Mortalidade que analisa as Declarações de Óbito emitidas no Estado onde consta no campo profissão o registro de médico.


Memorial às vítimas da Covid-19

Com o intuito de homenagear os médicos falecidos no Estado de São Paulo em decorrência da Covid-19, o Cremesp está preparando um memorial online, que será hospedado no site da autarquia e periodicamente atualizado. Os interessados deverão encaminhar e-mail para memorialcovid19@cremesp.org.br.


Todas as informações sobre o memorial serão divulgadas em breve, no site e redes sociais do Conselho.


#Cremesp #Barsanti #Covid-19 #Vacinaçao #Medicos #Medicina #Direito #Pediatras